• (15) 3233-6372

  • (15) 99820-2960

  • 10h - 12h | 13h30 - 20h30

  • Segunda a Sexta

Reconstrução de Mama

Introdução


É o nome dado a um grande grupo de cirurgias que visa a reparação de uma mama, total ou parcialmente.

A necessidade da reconstrução de mama pode ser decorrente de:

 

  • sequelas de cirurgias de retirada das mamas devido a câncer de mama (mastectomias totais ou parciais);

  • má formação congênita (de nascimento);

  • deficiências de crescimento mamário devido a traumas, como mordedura canina ou acidente automobilístico;

  • sequelas de queimadura;

  • necrose por infecção (por exemplo, em casos de mastite puerperal);

  • outras causas.
     

A grande maioria das reconstruções são realizadas devido à retirada das mamas por câncer (mastectomia). É um procedimento seguro, cada vez mais adotado, que devolve a auto estima e vontade de viver às mulheres, além de diminuir ou acabar com a sensação de mutilação causada pela mastectomia. 

É sabido que mais de 10 % das mulheres desenvolverão câncer de mama ao longo da vida e, com a medicina e os hábitos de vida modernos, as mulheres viverão cada vez mais. Esta é uma cirurgia plástica que está cada vez mais em evidência e deve ser conhecida e divulgada por toda a população.

A reconstrução mamária pode ser realizada na mesma hora da mastectomia (cirurgia imediata) ou meses a anos após a retirada das mamas (cirurgia tardia).

Tempo de internação


Necessita-se de 12 a 72 horas. 

Tipo de anestesia


Preferencialmente a anestesia geral, mas a peridural e a local com sedação também podem ser usadas eventualmente.

Técnica cirúrgica


As cirurgias de reconstrução mamárias são um grupo muito grande de cirurgias diferentes entre si. Várias são as técnicas que podem ser utilizadas:

  • uso de expansores teciduais (próteses especiais de silicone para se injetar soro fisiológico): podem ser definitivos ou podem ser trocados por próteses de silicones comuns;

  • uso do músculo da barriga (músculo reto abdominal);

  • uso do músculo das costas (músculo grande dorsal): geralmente é necessária a associação com próteses de silicone mamárias;

  • uso de retalhos de pele ou enxertos de pele da região da mama;

  • uso de retalhos de pele longe da região da mama: necessitam de um transplante dessa pele ou de pele junto com músculo.

 

Pós-operatório


Geralmente a reconstrução mamária necessita de duas cirurgias pra ter o resultado final. Como são cirurgias muito diferentes umas das outras, cada caso deve ser avaliado minuciosamente com a paciente. 

Nessas cirurgias o contato entre o cirurgião e a paciente é muito grande, pois este procedimento envolve um tempo grande de planejamento e recuperação entre essas cirurgias, que pode ser de até 12 meses.
As informações aqui colocadas correspondem ao mais habitual, podendo haver alterações de paciente para paciente. Por isso a consulta médica é indispensável.

Estamos preparados para te ajudar!
Nós somos acessíveis a você para questões ou preocupações que possam surgir.


ligue agora
(15) 3233-6372

ou